Notícias


21 de julho de 2021

Interesses fisiológicos estão por trás da reforma administrativa, diz Fenafisco

 

Projeto prevê que apadrinhados políticos ocupem cargos de funcionários concursados, o que pode tornar serviços públicos vulneráveis a interesses políticos

 

O ataque aos servidores públicos no país e os interesses fisiológicos são o que está por trás da “reforma” administrativa, que tramita na Câmara. “A PEC 32 é uma reforma das relações do Estado com a sociedade. Não é uma reforma administrativa. A última delas foi no governo Fernando Henrique Cardoso”, afirma o presidente da Federação Nacional do Fisco Estadual e Distrital (Fenafisco), Charles Alcântara, referindo-se à iniciativa do governo em 1995 de adotar novos sistemas de gerenciamento no serviço público.

O artigo 41 da Constituição prevê a regulamentação por lei complementar do sistema de avaliação e desempenho do serviço público, um ponto fundamental que poderia fazer a atuação do Estado se desenvolver no país, avalia Alcântara. Mas em vez disso a PEC da reforma administrativa vai permitir que apadrinhados políticos ocupem funções hoje exercidas por funcionários concursados.

Avaliação de desempenho

“O esforço do Congresso deveria ser montar um sistema de avaliação de desempenho. Ficam com essa narrativa falaciosa de que o serviço público não tem um sistema para isso, de que a estabilidade é um privilégio. Mas isso não é privilégio, é uma garantia para a sociedade. O servidor não fica à mercê dos políticos de plantão, garante a prestação do serviço público”, afirmou o presidente da Fenafisco no domingo (18), em entrevista ao programa Revista Brasil TVT.

Sobre os interesses fisiológicos por trás da proposta, o representante da Fenafisco diz que “não por acaso, é chamada ‘PEC da rachadinha’, mas é uma denominação que eu não gosto. Porque é carinhoso e algo que a gente sabe que é crime, o peculato, usurpação da coisa pública”, afirmou.

Fragilizar o Estado

“O que se pretende com a PEC 32 na verdade é fragilizar o Estado brasileiro, o serviço público, e abrir uma nova fronteira para ampliar o espaço da iniciativa privada no setor público. A gente tem de repudiar essa PEC”, defendeu.

Na entrevista, o representante da Fenafisco citou pesquisa da Oxfam Brasil e Datafolha, apresentada em maio, mostrando que 84% das pessoas ouvidas defendem a tributação dos mais ricos para o financiamento de políticas sociais. Ele também destacou que 85% das pessoas defendem que é por meio da atuação do Estado que se deve diminuir as distâncias entre os mais ricos e os mais pobres, o que projeta a necessidade de uma maior atuação do serviço público.

Fonte: Rede Brasil Atual

Aniversariantes do mês


setembro 2022

  • 01.  CLOVIS LUCIANO DA SILVA
  • 01.  JURANDI DE MEDEIROS BRITO
  • 01.  FRANCISCO MARQUES
  • 01.  VANDERSON ANTUNES
  • 01.  JOSE RIBAMAR PINTO DAMASCENO
  • 02.  ANTONIO MODRACH LYRA
  • 03.  TAMIRES VARELA DA CAMARA
  • 03.  MARIA FATIMA MENEZES DE OLIVEIRA
  • 04.  ANTONIO RAILTON COSTA DO NASCIMENTO
  • 04.  MARIA DE LOURDES PEREIRA DO NASCIMENTO
  • 04.  CREUZA MEDEIROS GINANI
  • 04.  TEREZINHA SILVA CAMARA
  • 05.  ELIANE PINHEIRO MACIEL PRATES PRIETTO DIAS
  • 05.  HUBERTO DA FONSECA E SILVA FILHO
  • 05.  ALINE SABINE PEREIRA BIRNBAUM
  • 05.  CLAUDIO LUIS SOUZA FERREIRA
  • 06.  JOSE ARAUJO SOARES
  • 06.  NAIRE LAMARTINE PAIVA LOPES
  • 06.  FRANCISCO CANINDE DA SILVA
  • 06.  LANIA MARIA SANTOS MACEDO
  • 07.  ELIZETE BRITO DE OLIVEIRA
  • 07.  JOSE ORAZIO GOMES SOARES
  • 08.  JOAQUIM DE FONTES GALVAO SOBRINHO
  • 08.  PAULO SERGIO LOPES COSTA PINTO
  • 09.  MARIA SALETE DE OLIVEIRA DANTAS
  • 10.  ANTONIO PAULO NETO
  • 11.  MOISES FERNANDES ANDRIOLA
  • 11.  HUGO PIRES DA CUNHA FILHO
  • 11.  FRANCISCA BATISTA
  • 12.  FRANCISCO EDSON DE MEDEIROS SILVA
  • 12.  MARIO CESAR HELIODORO ARRUDA
  • 12.  FRANCINETE BULHÕES DE FREITAS
  • 12.  MIRIAM PEREIRA
  • 12.  MARIA ALAIDE SOARES EUGENIO
  • 13.  ISOARES MARTINS DE OLIVEIRA
  • 14.  MARILEIDE FARIAS DA COSTA
  • 14.  MARIA DA GLORIA FONTOURA
  • 15.  GEIZA MONTEIRO DE ALMEIDA SILVA VENTURA
  • 15.  LUIZ CARLOS ALVES
  • 16.  EMANUEL MARCOS DE BRITO ROCHA
  • 17.  FRANCISCA GUEDES DE MEDEIROS
  • 17.  ALVANI VIEIRA DA COSTA
  • 17.  ADALIA ALECRIM MARTINS
  • 18.  RODRIGO OTAVIO DA CUNHA
  • 18.  LUCIANA CARDOSO PEREIRA
  • 19.  FERNANDO JOSE OLIVEIRA DE AMORIM
  • 19.  EMERSON ALVES SILVA
  • 19.  JULIA ALVES DOS SANTOS
  • 19.  EMILSON COSME TAVARES
  • 19.  FRANCISCO ELIAS DO ROSARIO FILHO
  • 20.  JOSE EVANGELISTA DE FARIAS
  • 20.  TEREZINHA DE JESUS DA SILVA ROCHA
  • 20.  OMAR VILAR DE QUEIROZ
  • 21.  VINICIUS TEIXEIRA GONÇALVES
  • 21.  MARCIA CARVALHO DE PAIVA
  • 21.  MARIA YEDA MARTINS MOURA VASCONCELOS
  • 22.  MARIO DAVID DE OLIVEIRA CAMPOS
  • 23.  ZENITE BARBOSA DE MELO
  • 23.  FLAVIANO SOARES DE SOUZA
  • 23.  GERMANA COUTO FURTADO
  • 23.  COSMO RAIMUNDO DE OLIVEIRA
  • 24.  MARIA SOLEDADE FERNANDES E SANTOS
  • 24.  MARCIO BEZERRA DE AZEVEDO
  • 24.  ANA MARIA ARAUJO DE OLIVEIRA
  • 24.  LILIA XAVIER DE ARAUJO GUIMARAES
  • 24.  FRANCISCO DE ASSIS MEDEIROS
  • 24.  FRANCIMAR ALVES MAIA
  • 24.  JASSON CUSTODIO
  • 24.  JONAS MACHADO COUTINHO
  • 24.  NEYSE MEDEIROS SANTOS
  • 25.  CLOVIS AVELINO DA SILVA
  • 25.  RENE ALMEIDA DE SOUZA
  • 26.  WILSON KUBA
  • 26.  ZULEIDE SOUZA FERREIRA
  • 26.  ANA PAULA SIEBRA MOREIRA
  • 27.  MARIA DA GLORIA MARQUES GALVAO
  • 27.  IONE PEREIRA DE MEDEIROS
  • 27.  FRANCISCA AUZENIRA CARLOS GODEIRO
  • 27.  ITALO CABRAL DA COSTA
  • 28.  DJALMA BARBOSA DA CUNHA
  • 28.  MARCONI AGOSTINHO DE AGUIAR
  • 29.  DEBORA PESSOA LEITE
  • 29.  REGINA MARIA HUNKA T. GUERREIRO
  • 29.  GERALDO MARCELO CABRAL DE SOUZA

instagram