Marca Maxmeio

Notícias

13 de June de 2018

SINDIFERN PARTICIPA DE AUDIÊNCIA PÚBLICA NO SENADO SOBRE A REFORMA TRIBUTÁRIA SOLIDÁRIA

A Comissão de Assuntos Econômicos do Senado realizou nesta terça-feira, 12, audiência pública pra discutir a Reforma Tributária Solidária, proposta da ANFIP e da Fenafisco, que objetiva mudar o modelo tributário brasileiro, tornando-o mais progressivo.

O vice-presidente do SINDIFERN, Roberto Fontes representou o sindicato na audiência, a convite do Diretor para Relações Parlamentares e Relações Institucionais da FENAFISCO, Pedro Lopes.

O SINDIFERN colaborou nas articulações com o senador Garibaldi Filho (MDB-RN), vice-presidente da CAE e autor do requerimento para o debate realizado hoje. Garibaldi presidiu a audiência.

A exposição foi feita pelo professor Eduardo Fagnani, coordenador do projeto, e teve a participação do secretário da Receita Federal Jorge Rachid, presidente do Consefaz André Horta Melo, que também é secretário da Tributação do Rio Grande do Norte, tributarista Rodrigo Otavio Orair, do IPEA, e do economista Flávio Castelo Branco, representando a CNI.

Todos foram unânimes em reconhecer que o atual modelo tributário brasileiro está esgotado e precisa ser revisto. Gráficos mostrando a disparidade da Tributação entre os mais ricos e os mais pobres reforçaram a necessidade de mudar a agenda fiscal do país.

Registraram presença na audiência pública os senadores Eduardo Braga, José Agripino, Lindenbergh Faria, Flexa Ribeiro, Eduardo Braga, Airton Sandoval, Fernando Bezerra Coelho, Maria do Carmo Alves, Vanessa Grazziotin, Valdir Raupp, Fátima Bezerra, Paulo Paim, Paulo Rocha, José Medeiros, Pedro Chaves, Rodrigues Palma, Acir Gurgacz, Jorge Viana, Waldemir Moka, Sérgio Petecão, Airton Sandoval, José Pimentel, Welington Fagundes, Rose de Freitas e Benedito de Lira.

 

Voltar

Sistema de arrecadação